Sabe Mais

A Primeira Biblioteca da Guiné-Bissau

Posted on: 11/08/2012


      A Guiné-Bissau não possui, ainda, nenhuma biblioteca pública no país mas, nas próximas semanas contará com a primeira a abrir na cidade de Bissau.

      Uma associação da localidade portuguesa de Pombal denominada “Afectos com Letras, Associação para o Desenvolvimento pela Formação, Saúde e Educação (ONGD)” centrada na colaboração e desenvolvimento das crianças daquele país, desenvolveu um projeto de recolha de livros em Portugal entre 25 de março e 25 de junho, tendo recolhido 13 mil livros.

      Estes livros foram catalogados por técnicos bibliotecários e colocados num contentor com destino a Bissau, onde vão ainda, para além dos livros, estantes e dez computadores, tudo oferecido.

      Já na próxima segunda-feira, 13 de agosto, cinco voluntários da associação chegam a Bissau e, ao longo das próximas três semanas, contam montar a biblioteca nas instalações cedidas pelo Instituto Politécnico Benhoblô de Bissau e deixá-la a funcionar até ao fim do mês.

      Entre os livros enviados vão muitos livros infantis, muita literatura portuguesa, romances estrangeiros e enciclopédias, assim como alguns livros em francês, dado o contexto regional da Guiné-Bissau, rodeada por países francófonos.

      Muitos dos livros são novos, oferecidos por editoras, mas também há livros em segunda mão, dados por particulares e que foram sujeitos a uma triagem, pois como diz a responsável pelo projeto, Joana Benzinho: “Queremos fazer uma biblioteca em condições, não um depósito de livros antigos e em mau estado”.

      A biblioteca ficará a cargo de um funcionário, que receberá apoio e formação contínua por videoconferência a partir da Biblioteca Municipal de Pombal em Portugal.

      Em dezembro, a associação conta levar a Bissau técnicos da biblioteca de Pombal para dar formação, de forma a dinamizar a biblioteca guineense com atividades como a hora do conto ou o cantinho da criança, e até lá vai continuar a recolher livros em Portugal.

      Mais info em: http://www.afectoscomletras.com

Etiquetas:

3 Respostas to "A Primeira Biblioteca da Guiné-Bissau"

A primeira biblioteca pública de Bissau já existe desde a independência da Guiné-Bissau no INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa. Ficou muito maltratada na guerra civil de 1988 uma vez que o exército do Senegal albergou no Instituto o seu quartel-geral – um crime que ficou impune. Pena é que uma ong portuguesa não tenha levado em consideração uma instituição que continuou a albergar o Boletim Cultural da Guiné e continua a reunir os investigadores guineenses mais conceituados. Pena é…

António,
ainda bem que estás atento e pudeste chamar a atenção para este erro na informação, cujas fontes assim indicavam a tal biblioteca como sendo a primeira.
Obrigado.
Acabo de ver o teu blogue “Andorinha em Canchuncho” e, como gostei, passou a estar na coluna dos “Sítios a Visitar”, não só neste blogue como em todos os demais do grupo.

Muito interessante essa ideia de trazer livros infantis, literários, e enciclopédias… pois com essa atividades como por exemplo hora de conto é mada mais alem de incentivo aos crianças! Isso é um gesto muito nobre por parte do responsável pelo projeto.. Meus parabéns.
ATT: estudante de biblioteconomia no Brasil, sou Guineense.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Calendário

Visitantes já contados:

  • 75,283

Contacto por email:

infodiasms@gmail.com

O objectivo deste sítio é:

SabeMais no Twitter

[ Vota aqui sobre o conteúdo deste blogue e vê os resultados atuais ]

Facebook SabeMais e Info-Dia Sms

%d bloggers like this: